Ética e diversidade cultural na sala de aula.

A DIVERSIDADE CULTURAL BRASILEIRA EM SALA DE AULA[1]

        A cultura de um povo é formada por vários elementos, como crenças, ideias, mitos, valores, danças, festas populares, alimentação, modo de se vestir, entre outros fatores. É uma característica muito importante de uma comunidade, pois a cultura é transmitida de geração em geração e demonstra aspectos locais de uma população.

     O Brasil, por conter uma grande dimensão territorial e uma população numerosa e miscigenada, com grande quantidade de descendentes de europeus, africanos, asiáticos e índios, apresenta uma vasta diversidade cultural no seu povo.

        Esse é um tema de extrema importância e deve ser abordado em sala de aula, pois os alunos devem ter conhecimento da diversidade cultural do país e saberem a origem de festas folclóricas, culinária, crenças e todos os tipos de manifestações culturais, fortalecendo ainda mais o processo de valorização dos costumes locais, contrapondo a tentativa de unificação de uma cultura de massa imposta pelos meios de comunicação.

    Ao abordar a pluralidade cultural do Brasil, o professor deve promover no aluno o sentimento de valorização cultural do país, além do reconhecimento e respeito das diferentes culturas, e mostrar que não existe uma melhor ou mais desenvolvida que a outra.

       Deve-se esclarecer o conceito de cultura e citar os principais elementos que configuram a cultura de um determinado local. Questione os alunos sobre os aspectos culturais do Brasil e os principais povos responsáveis pela disseminação cultural.

       Feito isso, divida a turma em cinco grupos, sendo cada um responsável por uma Região do Brasil (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste, Sul), onde aspectos culturais de cada Região deverão ser pesquisados. Os alunos poderão realizar estudos sobre a culinária típica, danças, festas populares, manifestações religiosas, de forma que o potencial de cada grupo seja explorado ao máximo.

     Posteriormente, promova apresentações dos grupos, abordando as principais manifestações culturais e os povos responsáveis pela propagação cultural de cada região pesquisada. Se possível apresente vídeos das atividades realizadas.

    Após as apresentações reúna os trabalhos de cada grupo e monte uma revista, de forma que os alunos tenham material sobre a cultura brasileira, e o que é mais importante, produzido por eles mesmos.

  A professora sugere também que pode-se produzir cartazes e ou livrinhos para que o conhecimento possa ser arquivado e socializado. Além disso, a possibilidade de realização de um seminário, ou teatros ou exposições com base no interesse de cada grupo. De acordo com Édouard Claparède, “Uma criança não é uma criança para ser pequena, mas para tornar-se adulta”  e “Toda conduta é ditada por um interesse; toda ação consiste em atingir o objetivo que é mais urgente naquele momento determinado”

     Portanto, ao realizar as tarefas em sala de aula com os alunos é de fundamental importância que se busque um acordo entre os aprendizes e seus interesses em pesquisar e discorrer sobre os assuntos correlatos à temática em foco, e ainda para que possam estar mais motivados, porque foram ouvidos pelos coordenadores do processo.

_____________

[1] Por Wagner de Cerqueira e Francisco, Graduado em Geografia. Com adaptações de CAMPOS, Mª Helena C. P. Prof. de Ética e pratica educativa. Tema: Ética e diversidade cultural na sala de aula  para a educação  básica. Gov. Valadares: UNIPAC GV, 2016

Este post foi publicado em Uncategorized em por .

Sobre Maria Helena Campos Pereira

Graduada em Pedagogia com registro em Matérias Pedagógicas: Psicologia Educacional, História da Educação e Didática. Pós graduada em em Planejamento Educacional, Supervisão e Inspeção Escolar. Mestre em Ciências da Educação e Doutoranda em Educação. Ministra palestras e cursos sobre Gestão Escolar, Filosofia para crianças, jovens e adolescentes com foco nas vivências interdisciplinares.

2 ideias sobre “Ética e diversidade cultural na sala de aula.

  1. Maria Helena Campos Pereira Autor do post

    A DIVERSIDADE CULTURAL BRASILEIRA EM SALA DE AULA é um assunto que necessita ser incrementado nas instituições educativas, não só pela questão do que se produz em cada região, mas principalmente pelo respeito à cultura, seus usos, constumes, etc. Ética é tudo em uma região que prima pela humanização da humanidade.

    Responder
  2. Kátia Núbia R.Soares

    A Ética e respeito devem ser cultivado em casa,pelos membros da família assim quando a criança chegar a escola já trazer com ela o respeito ao proxímo e a escola ensinar o respeito as diferentes culturas e humanizar a relação uns com os outras.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.